Técnico/a de Payroll com SAP (M/F) – Multinacional Farmacêutica

Recrutamos visando a integração nos quadros do nosso cliente, administrativa/o de payroll para desempenhar funções em empresa na área farmacêutica situada na linha de Sintra.

Funções:
– Payroll e todas as rúbricas inerentes em sistema SAP.

Pretende-se:
– Experiência na área administrativa de RH, payroll, segurança social, etc. (OBRIGATÓRIO);
– Experiência em SAP (OBRIGATÓRIO);
– Bons conhecimentos de legislação laboral;
– Disponibilidade imediata.

Oferece-se:
– Contratação em regime de trabalho temporário visando a integração na empresa farmacêutica;
– Salário compatível com a função;
– Integração em ambiente multinacional;
– Entrada imediata.

Enviar CV para celia.agostinho@intelac.pt com a refª Payroll_SAP

Técnico/a de Logística (M/F)

Recrutamos em regime de trabalho temporário visando uma substituição por motivo de licença de maternidade mas com perspetivas de continuidade, técnico/a de logística.

A função será desempenhada em empresa multinacional no ramo automóvel situada em Lisboa (zona de Chelas).

Funções:

  • Assegurar a funcionalidade das operações logísticas;
  • Suporte à totalidade da rede de distribuidores e gestores de zona;
  • Integração de faturas de veículos e controlo de plafonds;
  • Contacto com Parque Logístico;
  • Controlo de entradas e transportes em parque;
  • Pedidos de matricula e mapas de Reporting;
  • Acompanhamento de processos de homologação;
  • Suporte a gestores de Zona e rede de concessionários;
  • Gestão de frota de imprensa e mapeamento;
  • Mapas de stock;
  • Encomendas fábrica;
  • Controlo do estado da frota (kms, recondicionamentos, seguros, etc);

Pretende-se:

  • Experiência na função;
  • Experiência na utilização das ferramentas MSOffice na óptica do utilizador;
  • Dinamismo e proatividade;
  • Disponibilidade imediata para iniciar funções em maio;

Oferece-se:

  • Salário de acordo com a experiência demonstrada + 7,63€/Dia + Refeitório + Telemóvel + Proporcionais;
  • Horário das 9h às 18h com 1 hora de almoço entre as 13h e 14h;
  • Entrada imediata e com perspectivas de continuidade.

As/os interessadas/os deverão enviar CV com a maior brevidade para celia.agostinho@intelac.pt com a refª Logistica_LX

EMPREGADAS/OS DE PAPELARIA (M/F)

Refª VascodaGama

Para desempenhar funções de atendimento ao público e organização de mercadoria em papelaria situada no Centro Comercial Vasco da Gama em Lisboa.
Pretende-se:

Alguma experiência em atendimento ao público

Sentido de responsabilidade e simpatia

Disponibilidade para trabalhar em regime de folgas e turnos rotativos com horário maioritariamente entre 11H/20H

Disponibilidade imediata

Conhecimentos de ingles serão valorizados
Oferece-se:

Contratação inicial em regime de trabalho temporário com perspetivas de continuidade

Horários e folgas rotativas

Salário: 580€ + 4,77€/Dia + Abono de Falhas + Proporcionais

Entrada imediata

 

Enviar CV para celia.agostinho@intelac.pt com a refª Vasco da Gama

Livreiro (M/F)

O Grupo Intelac está a recrutar Livreiro (M/F) para Lisboa:
Funções:
– Atendimento ao público;
– Venda de livros;
– Confirmação e arrumação de stocks.
Requisitos:
– Experiência na área;
– Gosto pelo atendimento ao público;
– Apresentação cuidada.
Oferecemos:
– Salário compativel com a função;
– Contrato de Trabalho Temporário.
Envie-nos o seu CV para tania.ferreira@intelac.pt

Gestor/a de Carteira de Clientes Empresariais (M/F) – Cacém

Recrutamos em regime de trabalho temporário mas com perspectivas de continuidade, Gestor/a de Carteira de Clientes Empresariais visando a divulgação e comercialização de serviços empresariais através do contacto telefónico para desempenhar funções em empresa cliente situada no Cacém.

Pretende-se:
– Boa capacidade de comunicação;
– Valoriza-se experiência profissional em contact center;
– Forte orientação para o cliente;
– Orientação para trabalhar por objectivos;
– Conhecimentos de informática na óptica do utilizador (obrigatório);
– Forte sentido de responsabilidade;
– Atitude dinâmica e pro-activa;
– Residência linha de Sintra até Amadora, linha de Cascais e Oeiras;
– Boa capacidade de gestão de uma listagem de clientes.

Oferece-se:
– Contratação em regime de trabalho temporário com salário base e plano comissional atractivo com perspectivas de continuidade;
– Integração numa equipa jovem e dinâmica;
– Formação inicial e contínua.
– Horário: Das 10H00 às 18H00 (Segunda à Sexta)

Enviar CV para celia.agostinho@intelac.pt com a refªCC

Auxiliar de Produção (M/F)

O Grupo Intelac está a recrutar Auxiliar de Cozinha (M/F) para empresa cliente sediada em Carnaxide, com o seguinte perfil:

Funções:

– Auxiliar de Cozinha;

 

Requisitos:

– Experiência na função;

– Disponibilidade imediata e até dia 9 Fevereiro.

 

Oferece-se:

– Contrato de Trabalho Temporário.

– Vencimento compatível com as funções;

– Refeições fornecidas pela empresa.

 

Envie-nos o seu CV para tania.ferreira@intelac.pt.

Técnico(a)/Engenheiro(a) Informático (M/F)

Recrutamos Técnico(a) para a área de informática para trabalhar com sistema UNIX e ficar responsável sobre esta área para empresa situada em mem Martins

Pretende-se:

– Formação em informática;

– Bons conhecimentos de Unix;

– Disponibilidade para deslocações a outras delegações do grupo;

– Residência na linha de Sintra.

Oferece-se:

– Contratação em regime de trabalho temporário com perspetivas de continuidade;

– Salário de acordo com a experiência.

Enviar CV para celia.agostinho@intelac.pt com a refª UNIX

Alteração ao Código do Trabalho

9ª Alteração ao Código do Trabalho

 

Lei nº 120/2015, de 1 de Setembro

Publicada a 01 de Setembro de 2015, vem alterar os seguintes artigos relacionados com a parentalidade:

– artigo 40.º, 43.º, 55.º, 56.º, 127.º, 144.º, 166.º, 206.º e 208.º/B da Lei 07/2009 de 12 de Fevereiro (Código do Trabalho);

– artigo 15.º do Decreto-Lei nº 91/2009 e artigo 14.º do Decreto Lei nº 89/2009 sobre o subsídio parental inicial exclusivo do pai.

 

Resumo das alterações à lei 07/2009 (Código do Trabalho):

1 – Gozo da licença parental inicial (Art. 40º CT)

  • A licença entre os 120 e os 150 dias passa a poder ser gozada em simultâneo pelos dois progenitores.
  • No caso das microempresas, tem de existir acordo do empregador para que tal aconteça.

2 – Licença parental exclusiva do pai (Art. 43.º CT)

  • Esta licença passa de 10 para 15 dias.
  • Só entra em vigor no próximo Orçamento de Estado.

3 – Avaliação e progressão da carreira (Art. 55.º e 56.º CT)

  • São consagradas normas expressas estabelecendo que o trabalhador com responsabilidades familiares que opte por regime de tempo parcial ou de horário flexível não pode ser penalizado em matéria de avaliação e progressão na carreira.

4 – Afixação de informação sobre parentalidade (artigo 127.º CT)

  • O empregador passa a ter de afixar nas instalações da empresa informação sobre a legislação referente ao direito de parentalidade ou consagrar essa legislação em regulamento interno.

5 – Agravamento da contraordenação (nº 5 do art. 144.º CT)

  • A não comunicação por parte do empregador à CITE do motivo da não renovação de contrato de trabalho a termo sempre que estiver em causa uma trabalhadora grávida, puérpera ou lactante passa de contraordenação leve a grave.

6 – Teletrabalho (Art. 166.º)

  • O trabalhador com filho com idade até 3 anos tem direito a exercer a atividade em regime de teletrabalho, quando este seja compatível com a atividade desempenhada e a entidade patronal disponha de recursos e meios para o efeito, não podendo o empregador opor-se ao pedido do trabalhador nestas circunstâncias.

7 -Adaptabilidade grupal e banco de horas grupal – (Art. 206.º e 208.ºB)

  • Só se aplicam os regimes da adaptabilidade grupal e do banco de horas grupal ao trabalhador com filho menor de 3 anos de idade que manifeste, por escrito, a sua concordância.

 

Entrada em vigor:

  • As alterações dos artigos 43.º do CT e dos Decretos-Lei nº 89/2009 e n.º 91/2009 só entram em vigor com o próximo Orçamento de Estado.
  • As restantes alterações entram em vigor no quinto dia após a publicação.

 

Consulte a Lei 120/2015 aqui (LEI_120_2015_DE_01_SETEMBRO)